sábado, 13 de abril de 2013

OS EMOCIONALMENTE CANSADOS II

O inabalável amor de Deus não nos protege de eventos tristes e que nos atingem dolorosamente. O inabdicável amor de Deus não nos poupa do divórcio. O inalterável amor de Deus não nos poupa de todos os acidentes de carro ou de avião. O incomparável amor de Deus não nos poupa de ter um filho que se desvia para o álcool ou para a droga ou para a preguiça. O incontrolável amor de Deus não nos poupa da doença, a nossa ou de uma pessoa querida. O ilimitável amor de Deus não nos poupa do desemprego. O imbatível amor de Deus não nos poupa de frustrações. O imensurável amor de Deus não nos poupa de ficar cansados.
O imponderável amor de Deus não nos exime de nossas responsabilidades. O divórcio é uma produção humana do casal ou de um deles, seja por infidelidade, crueldade ou leviandade. O inabdicável amor de Deus não se assenta ao volante de um veículo, o nosso ou daquele que cruza conosco. O incorruptível amor de Deus não tira a responsabilidade quem se afunda no vício. O indeclinável amor de Deus não dirige empresas que empregam e desempregam, nem preenche currículos. O inegável amor de Deus não evita que tenhamos parentes-serpentes ou amigos-escorpiões. O inesquecível amor de Deus não impede que tenhamos relacionamentos desgastantes. O inexaurível amor de Deus não nos supre sempre de boas companhias, bons amores ou boas amizades.
O infalível amor de Deus estará conosco na vida conjugal para que não haja divórcio, mas, se houver, também estará conosco, havendo arrependimento e confissão. O infindável amor de Deus, que está sempre vigilante, nos poupa de muitos acidentes, segundo a sua soberania e misericórdia, embora não escreva manchetes para ficarmos sabendo como e quando se aconteceu. O inquebrantável amor de Deus está pronto a receber o filho pródigo, por mais dependente que esteja do que não deveria estar, e apoiar a família que espera pela volta do filho que partiu para longe. O invencível amor de Deus percorre conosco o labirinto do sucesso profissional, para nos orientar. O invulnerável amor de Deus nos livra dos venenos que amigos e parentes nos lançam goela a dentro. O irretocável amor de Deus nos ensina a viver com as pessoas como elas são, com sabedoria divina, com paciência divina, com perdão divino. O irreversível amor de Deus nos faz companhia quando nos faltam as de carne e osso.


Desejo-lhe um BOM DIA.
Israel Belo de Azevedo

OS EMOCIONALMENTE CANSADOS I

O cansaço emocional é muito difícil de ser tratado porque o primeiro passo, que é reconhecer a dificuldade em toda a sua extensão, é muito difícil de ser dado.

Se sofremos de algum transtorno psíquico, nosso primeiro passo é reconhecer a nossa enfermidade, sim, enfermidade, com este nome, e buscar um profissional para que haja um diagnóstico e um tratamento. Depois nos caberá continuar com os cuidados prescritos, sejam eles por meio de psicoterapia ou de remédios a serem tomados regularmente.
Sem estes cuidados, até o toque suave de uma brisa nos deixa cansados. Imagine um ataque... Há dores que o remédio não cura, mas há sofrimentos que o remédio pode pôr fim, e às vezes sem nenhum efeito colateral.
Se somos daqueles que nos cansamos de tanto nos agitar, memorizemos este versículo, repetindo-o sempre para nós mesmos:

“Parem de lutar! Saibam que eu sou Deus!
Serei exaltado entre as nações, serei exaltado na terra.
O Senhor dos Exércitos está conosco;
o Deus de Jacó é a nossa torre segura”.
(Salmo 46.10-11).

Todas as nossas lutas são lutas de Deus. Crer nisto é repousante.
A difícil tarefa para quem não se sente amado é saber que, mesmo não se sentindo, é amado por Deus. Ele não entregaria seu Filho para morrer por alguém a quem não amasse. É até possível que você tenha sido rejeitado, até mesmo desde o ventre. Você não pode mudar isto, mas você pode amar a você mesmo, você pode se deixar amar por outras pessoas, você pode se deixar amar por Deus. Vale a pena crer como o profeta Miquéias: "Quem é comparável a ti, oh Deus, que perdoas o pecado e (...) tens prazer em mostrar amor" (Miquéias 7.18). A vida vale a pena.


Desejo-lhe um BOM DIA.
Israel Belo de Azevedo

Devocional da Anninhah...


Oi lindos! 
Então, eu estava agora fazendo minha devocional e o texto de hoje mexeu bastante comigo e decidi compartilhar (colocando alguns pontos meus, haha).
A leitura bíblica é Atos 14:1-22 e fala sobre anunciar o evangelho mesmo em meio a tribulações. No finzinho do texto Paulo é apedrejado e despejado da cidade de Listra e posteriormente volta a cidade. 

Mesmo tendo passado por isso, podemos ver que viver debaixo das asas de Deus nos dá força o suficiente para voltarmos ao lugar de perseguição e falarmos ainda mais do amor do nosso Pai. E quando vemos Paulo e Barnabé, depois de sofrerem tudo isso, incentivando os discípulos a perseverarem na fé dizendo "em meio a muitas tribuções nos é necessário entrar no reino de Deus", nos sentimos mais fortes, na graça e no amor de Deus, para vivermos a nossa missão. 

Eu acredito que estamos vivendo em tempos de guerra e, como cristãos, devemos estar preparados para isso. Mas não preparados com 10 pedras na mão mas preparados com a Palavra de Deus e com o amor que Ele nos ensina a ter. Agindo assim, mostraremos aos outros uma bela demonstração de paz, misericórdia e perdão de DEUS.

Que nossa família possa ser uma luz no meio dessa guerra e que possamos, acima de tudo, honrar e glorificar a Deus através das nossas ações com AMOR. E lembrando que a alegria de estar na glória compensará o desconforto que é viver no mundo que jaz no malígno. Eu amo vocês ♥

quarta-feira, 10 de abril de 2013

Notícias do campo missionário - Hugo e Talvania


Carta Missionária
Tirana-Albânia, Abril de 2013
...e até os confins da terra". Atos 1.8
Amado irmão(a),
Paz
Alegramo-nos em Cristo, nosso Senhor, pelas vitórias que temos nEle. Alegramo-nos ainda por termos você nos ajudando com suas intercessões e ofertas de amor.  
 
Começamos a realizar o culto dominical em Zallmner, e o primeiro culto oficial foi dia 31 de março, quando comemoramos a ressurreição do nosso Mestre e Senhor Jesus. O grupo na foto é o grupo que frequentemente tem ido aos trabalhos da missão, um grupo de cinco convertidos e uns dez interessados no evangelho, entre jovens e adultos.  Além desses, há um número de umas quinze crianças assíduas no sábado, quando acontece a escola bíblica para as mesmas.  Após o culto foi oferecido um pequeno lanche para os convidados, aliás, este momento em especial serviu para descontração, bate papos e estreitamento de laços de amizade.
A missão fez uma programação especial para as mulheres e mães da comunidade no dia 08 de março.  Aqui o dia das mães é o mesmo para o dia internacional das mulheres.  Foi uma ocasião especial onde elas puderam ouvir sobre sua importância para Deus e como Ele as ama.  
Recebemos no início do mês o nosso coordenador estratégico para os Balcãs, pr Joed Venturine de Souza.  Foi uma bênção ter tido a presença dele conosco para conversas, avaliações,esclarecimentos e oração.  O pr. Joed tem nos ajudado muito com sua experiência e conselhos.  
O projeto de escolinha de futebol tem agora mais de 50 crianças entre 11 e 14 anos matriculadas.  As aulas acontecem três vezes na semana, mas por enquanto, apenas por uma hora.  Temos nos alegrado por podermos ver alguns dos meninos indo, vez por outra, à missão.  Que estes meninos possam conhecer e se render a Cristo, o Senhor, é o nosso grande desejo.
Nós ficamos por aqui, certos de que o Senhor está cuidando de você.  Nossa oração sempre por você é para que seja uma grande bênção no Reino e para que todas as suas necessidades sejam supridas em Cristo.  
Um grande abraço,
Família missionária na Albânia,
Pr. Hugo, Miss. Talvânia, Noemi e Amós
Por favor, ore:
*Pela nossa saúde.
*Pela escolinha de futebol, para que haja fruto desse trabalho.
*Pelos obreiros da terra.  
*Pelo trabalho em Zallmner, que muitos cheguem ao conhecimento da verdade, entregando suas vidas a Cristo Jesus.
*Pela caravana que virá em junho e julho.